O resultado da segunda fase do XXIV Exame de Ordem foi divulgado recentemente. Para que se alcance a tão sonhada aprovação, é necessário acertar o mínimo de 60% da prova, ou seja, obter nota 6 somando a peça prático-profissional e as questões dissertativas.

Entretanto, ao final do Exame da OAB 2ª fase, diversos candidatos se abalam pelo fato de, por pouco, não terem alcançado a média exigida. Mas não se preocupe: ainda há a repescagem!

A repescagem permite que os candidatos reprovados na 2ª fase OAB façam a próxima 2ª fase sem precisar se submeter novamente à prova da 1ª etapa, como dispõe o edital disponibilizado pela FGV/OAB:

“Art. 11. O Exame de Ordem, conforme estabelecido no edital do certame, será composto de 02 (duas) provas:

(…)

§ 3º Ao examinando que não lograr aprovação na prova prático-profissional será facultado computar o resultado obtido na prova objetiva apenas quando se submeter ao Exame de Ordem imediatamente subsequente. O valor da taxa devida, em tal hipótese, será definido em edital, atendendo a essa peculiaridade. ”

Com isso, caso você não tenha obtido êxito nessa última prova, não fique para baixo, pois a repescagem é uma ótima oportunidade para você voltar ainda mais preparado. A EBRADI, pensando nisso, desenvolveu cursos preparatórios OAB 2ª fase completos para que você, futuro advogado, conquiste a sua carteira vermelha!

Venha para a EBRADI!