No Brasil, a maior parte dos imóveis lançados e em construção estão localizados na cidade de São Paulo. Nesse sentido, no ano de 2018, a capital paulista possuía 32,8 mil apartamentos, frente ao total de 98,6 mil espalhados por todo território nacional, de acordo com os dados obtidos pelo Sindicado da Habitação (Secovi).

Por sua vez, com participação crescente nos últimos três anos, os imóveis populares foram o motor do setor em meio à crise, chegando a 44% do total de unidades residenciais lançadas em São Paulo em 2018. Foram 14,4 mil moradias de baixa renda.

Apesar da lenta retomada da economia, do rebaixamento constante da previsão do Produto Interno Bruto (PIB) e do alto índice de desemprego, os lançamentos imobiliários cresceram mais neste ano. São Paulo é considerado o único mercado com sinais claros e efetivos. Em outras regiões, os sinais ainda são incipientes, de acordo com Claudio Hermolin, presidente da Brasil Brokers Participações.

“Os imóveis econômicos do MCMV passaram ao largo da crise, porque a demanda é enorme”.

Para o presidente do Secovi, os números indicam uma melhoria do mercado imobiliário de São Paulo, visto que as vendas aumentaram em 27%, atingindo a 29,9 mil imóveis novos no ano de 2018. De acordo com a sua avaliação, o mercado imobiliário da cidade de São Paulo exibe certo descolamento da instabilidade da economia e se apoia na demanda represada dos últimos anos.

Do mesmo modo, os investidores inseridos no mercado imobiliário entendem que: com a Reforma da Previdência sendo aprovada, as contas públicas do governo poderão ser equilibradas e estimular retorno dos investimentos, garantindo condições para o desenvolvimento econômico e permitir que o setor volte a produzir em sua capacidade máxima.

Em se tratando do mercado imobiliário é preciso sempre tentar antecipar os próximos três anos. Mesmo em 2014, quando o desemprego estava baixo, já se vislumbrava que seriam anos difíceis pela frente. Mas, o pior da crise parece ter passado e a demanda por moradia é alta.

Por conta de todo o exposto, nota-se que o Direito Imobiliário está crescendo muito rápido e chegou a hora de você sair da sua zona de conforto e realizar tudo que você quer. Conheça agora mesmo de Pós-Graduação em Advocacia do Direito Negocial e Imobiliário para aprofundar seus conhecimentos.

Tenha as mesmas condições

Siga-nos nas redes sociais para ver muito mais! Estamos no Facebook, Twitter, Instagram, LinkedIn e YouTube.

Fontes:

https://economia.estadao.com.br/noticias/geral,top-imobiliario-2019-numeros-mostram-crescimento-do-mercado,70002885720

https://www.terra.com.br/economia/top-imobiliario-2019-numeros-mostram-crescimento-do-mercado,899981d35ad32c176f982124a6f2003eyi91gefp.html

https://headtopics.com/br/top-imobili-rio-2019-n-meros-mostram-crescimento-do-mercado-economia-estad-o-6551158

newsletter

Novidades de EBRADI por e-mail

Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.
Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.

Entre em contato com a equipe EBRADI

Preencha o formulário e fale com um consultor de vendas

Condições especiais para a sua matrícula

Nós usaremos seus dados para entrar em contato com você sobre as informações solicitadas neste formulário e sobre outras informações correlacionadas que podem ser de seu interesse. Você pode cancelar o envio da divulgação, a qualquer momento, utilizando o opt-out existente nas mensagens encaminhadas por nós. Para maiores informações, acesse nossos avisos de privacidade.

| AVISO DE COOKIES

Usamos cookies e outras tecnologias semelhantes para auxiliar na navegação, aprimorar a experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo do seu interesse. Para mais informações consulte nosso Aviso Externo de Privacidade.