Powered by Rock Convert

Por estarmos no meio de uma pandemia, e para que possamos evitar ao máximo a transmissão acelerada do chamado Coronavírus, grande parte das organizações estão adotando a possibilidade dos colaboradores exercerem suas funções dentro de suas casas, configurando, assim, o home office.

Essa ação é em prol da saúde pública, para que não tenham mais aglomerações, diminuindo os riscos de contaminação das pessoas, para que não haja sobrecarga das unidades de saúde, mesmo que a maioria das pessoas que estão ativas no trabalho não fazem parte do grupo de risco, pois elas podem ser, de modo geral, uma grande fonte de transmissão e disseminação.

Assim, diante de toda essa situação, é imprescindível que saibamos como realizar, de forma correta, o home office, pois existem alguns direitos e deveres que devem ser respeitados quando versamos sobre esse assunto, inclusive, essas práticas são elencadas pela CLT, e há todo um regramento a ser seguido.

Sobre a carga horária, o funcionário deve exercer o mesmo tempo que faria se estivesse no seu local de trabalho, sendo possível a exigência até de marcação de ponto eletrônico, todavia, não é possível que ele trabalhe mais horas do que o acordado no contrato. Além disso, é fundamental que ele cumpra com todas as suas tarefas e atividades conforme for requerido pelo chefe.

Neste ponto, temos também a exigência da realização do intervalo para o almoço, que deve ser respeitado, tanto pela empresa, como pelo funcionário, justamente porque a pausa é fundamental para que exista um bom desempenho no trabalho, assim, esse horário deverá ser o mesmo que o realizado na empresa e estipulado em contrato.

Powered by Rock Convert

Sobre os equipamentos utilizados para trabalhar, como o notebook ou computador, não é de responsabilidade do funcionário ter a disposição em casa para utilizar, sendo obrigação da empresa fornecer todo o material necessário para o trabalho home office, ficando sob os cuidados do colaborador o equipamento, e este deverá ter todo o zelo, pois é um patrimônio da empresa.

Devemos também saber algumas dicas que farão total diferença no desempenho do home office. Por exemplo, começar no horário que habitualmente faria, ajuda a criar uma rotina, da mesma forma, é fundamental realizar as pausas de almoço e de intervalos, porque isso ajuda a manter a organização e o foco.

Ao acordar, não começar o dia trabalhando de pijama apesar de parecer extremamente confortável, ao invés disso, é recomendado tomar um banho e trocar de roupa, assim, o modo trabalho aparecerá mais rápido.

A comunicação com todos da equipe é fundamental, por isso, devemos zelar pela comunicação clara e transparente, tendo em vista que as reuniões não presenciais podem perder um pouco a sintonia existente entre os colegas de trabalho.

Por fim, o ideal é sempre saber a hora de parar, com o objetivo de evitar a exaustão, porque ninguém sabe quando isso vai passar, então deve-se ter hábitos saudáveis para que isso não seja tratado como um encargo, pois é um serviço prestado à sociedade, com a finalidade de ajudar a saúde pública.